27 de dez de 2010

Receita de ano novo


Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)


Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.


Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.


Carlos Drummond de Andrade

18 de dez de 2010

final de ano


E mais um ano se aproxima. Mais um natal, mais comemorações, revelação de amigo secreto, jantas de despedidas e aquele ritual que estamos acostumados a fazer.

Parece que o final de ano tem algumas coisas iguais aos outros anos. Mas cada ano é diferente, é especial. São 12 meses de muitas emoções, trabalho e estudo duro, momentos bons, como também momentos ruins, mas o que sempre lembramos são os momentos bons, as boas lembranças E com certeza pra mim não foi diferente.

Destaco aqui um retro:
Janeiro - virada de ano em Garopaba, praia em Floripa, um semana de boas companhias e aprendizado no Fórum Social Mundial que aconteceu em Porto Alegre, juntamente com minha querida amiga Inara.
Fevereiro - primeiro passeio a cidade maravilhosa, Rio de Janeiro. Reencontro com amigos de lá, em especial Antonio. O dia marcante 28/02/2010 - show do Coldplay INESQUECÍVEL!
Março- Troca de setor, que por sinal foi boa. Volta ás aulas. E nos outros meses destaco a o reentro com Luciano, Icaro, oktobefest, aproximação com amiga Carina, chimas com pessoas especiais, momentos legais com pessoas pelas quais tenho muito carinho, pai, mãe, mana, Deise M. ,Neiva, Inara, Carina, alguns familiares e por ai...vários.

E mais momentos bons que não vem ao momento. Mas 2010 foi 10. Poderia ter sido melhor, mas foi bom!

E 2011 como eu já disse vai ser melhor ainda. Primeira viagem internacional, Itália, irei fazer minha mono, conclusão de curso, Rock in Rio, mais confraternizações com amigos e familiares e muito, quero muito compromisso com meus estudos e terabalho. É isso! Feliz 2011 a todos! Beijo.

4 de dez de 2010

Vale a pena assistir


Hoje pela milésima vez, acabo de assistir ao filme "O fabuloso destino de Amélie Poulain". Um filme espetacular. Além de mostra de forme diferente e clara as coisas simples da vida, a trilha sonora é magnífica.

Não canso de assistir e me emocionar ao ver esse fabuloso mundo de Amélie.
Pra quem não assistiu ao filme, não perde essa dica.

A trilha sonora de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, filme dirigido por Jean-Pierre Jeuneut, tem um resultado admirável dentro e fora das telas, os créditos devem ser dados a Yann Tiersen.

Essa é a dica para o findi!
beijo.

25 de nov de 2010


Às vezes, esperamos a pessoa tomar a iniciativa e vir falar conosco, apenas para saber se ela realmente se importa.

21 de nov de 2010

Filme


Ontem assisti a filme "Comer, rezar e amar". Diga-se de passagem muito bom. Eu li o livro então, afirmo que o livro tem aquele gostinho de quero mais, do que o filme.
Faltou algumas explicações o porque de que os relacionamento de Liz não deram certo, isso no filme, faltou.

Mas hoje eu posto no blog para falar de uma música que baixei hoje pela manhã e até agora estou escutando. Ela simplesmente é MARAVILHOSA!

A música tocou no filme. É de Neil Young e se chama "Harvest Moon"
Linda. A letra é bem significativa e o embalo da música é um convite para chamar seu namorado, esposo e sair dançado. Agora se não tiver, escute apenas essa linda melodia!

Boa semana a todos
Beijo
Angel

7 de nov de 2010

fases...

Por que será?
Por que será
Que eu ando triste por te adorar
Por que será
Que a vida insiste em se mostrar
Mais distraída dentro de um bar
Por que será
Por que será
Que o nosso assunto já se acabou
Por que será
Que o que era junto se separou
E o que era muito se definhou
Por que será
Eu quantas vezes me sento à mesa de algum lugar
Falando coisas só por falar
Adiando a hora de te encontrar
É muito triste quando se sente tudo morrer
E ainda existe o amor que mente para esconder
Que o amor presente não tem mais nada para dizer
Vinícius de Moraes

15 de out de 2010

Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar.
Clarice Lispector

28 de set de 2010

Trecho de Cortázar

"O vórtice do pavor sempre foi a manifestação do sobrenatural, daquilo que não se pode tocar nem ouvir nem ver com os sentidos habituais”.

8 de set de 2010

Pesquisar é bom, se diverti é demais!



Final de semana que passou estive em Caxias do Sul (RS), participando do XXXIII º INTERCOM, e apresentei com meu colega Elisio o projeto no qual sou bolsista voluntária " Memória Institucional".
A chegada em Caxias, foi no sábado pela manhã, logo fui às palestras.
Depois de um delicioso almoço com as amigas Clarissa (Caca) e Cristiane (Cris), dançamos 'Macarena', no Centro de Convivência deles.

E a tarde participamos de um GT sobre "Teoria do Jornalismo", com o maravilhoso e inteligente professor da UFF, Felipe Pena. Felipe entende do assunto. A tarde passou rápida, mas as lembranças ficam de um tarde bacana e de várias trocas de experiências.

À noite fomos ao maravilhoso hotél (sem comentários). E depois de um banho, as meninas se arrumaram e se mandaram para a balada, claro eu junto.
O lugar? VOICE! Mara. Muito legal, e a festa integrou vários congressistas, e o som animou á todos... Desde música anos 80 até 'Raimunda', 'Macarena'.

E fui dormir tarde, acordei cedo. E tranquila para ás 09h00min da manhã apresentar o projeto sob coordenação do professor Marcelo Chamusca, coordenador da pós-graduação em Relações Públicas FBB. Boas colocações do professor e a turma que estava reunida para apresentar os projetos, também se saíram muito bem. Enfim o restante do dia foi de sol, na maravilhosa estrutura da UCS e aulinhas, conversas, chimarrão!

Um belo final de semana, eu diria! Lembranças a parte!
Abraço!

31 de ago de 2010

Óh Santa Maria


Minha história se mistura com a tua, e que bom que é assim, tenho orgulho de ser teu filho, de passear pelo calçadão no sábado de manhã e ver tudo que é só teu, vontade de viajar no trem da história, embarcar na Presidente e descer lá na Boca do Monte, orgulho de ver o teu povo que anda depressa, e mesmo assim tem tempo pra sorrir, vontade de gritar que te amo, de correr pelos teus trilhos, desde o Maneco até a rua sete. Santa Maria da mãe Medianeira, que repousa na catedral e assiste seus filhos passar numa Rio Branco que não pára. Santa Maria, lugar que vive o conhecimento que pulsa vibrante. Cidade dos meus sonhos, e dos sonhos de tantos outros, dos versos e acordes de quem é apaixonado por ti. Cidade de Beto, de Isa, de Marcio, Patrícia e outros vários... Vontade de sentar na Saldanha Marinho e ver teu por de sol ser destaque no Treze de Maio... Tu és assim, minha vontade de escrever, de sorrir, correr, pular e gritar que é minha relíquia. Meu chão e minha paixão

22 de ago de 2010

Leitura...


Um grande escritor, uma leitura que pretendo iniciar nas próximas férias da faculdade. A obra "Em busca do tempo perdido", do escritor Proust.

Um pouco de sua história!

Valentin Louis Georges Eugène Marcel Proust foi um importante escritor e poeta francês. Nasceu na cidade de Paris em 10 de julho de 1871 e faleceu na mesma cidade em 18 de novembro de 1922.

A obra mais conhecida de Proust foi “Em busca do tempo perdido”, um conjunto de sete novelas, considerada uma das grandes obras da literatura do século XX. É considerado um dos grandes escritores românticos do começo do século XX..

Principais momentos da vida (biografia):

- No ano de 1891, entrou para a faculdade de Direito da Sorbonne.
- Proust preparou-se para seguir a carreira de diplomata, porém desistiu para ser escritor.
- Fundou com alguns amigos, em 1892, a revista Le Banquet.
- Escreveu para revista francesa La Revue Blanche.
- Em 1919, ganhou o prêmio literário francês Goncourt, pela obra “À sombra das raparigas em flor”.
- Perdeu a mãe em 1905 e herdou uma grande fortuna.
- Após a morte da mãe, isolou-se socialmente para dedicar-se exclusivamente à literatura.

Principais obras de Proust

- Os prazeres do dia – 1896
- Em busca do tempo perdido – 1913 a 1927
- No caminho de Swann
- À sombra das raparigas em flor
- O caminho de Guermantes (I e II)
- Sodoma e Gomorra
- A prisioneira
- A fugitiva
- O tempo redescoberto
- Paródias e miscelâneas
- Crônicas – 1927
- Jean Santeuil (obra póstuma de 1952)
- Contra Sainte-Beuve (ensaio, obra póstuma de 1954).

Frases de Proust:
- O amor é o espaço e o tempo medidos pelo coração.
- O amor é uma doença inevitável, dolorosa e fortuita.
- A ambição embriaga mais que a glória.
- A felicidade no amor não é um estado normal.

Fonte: Sua pesquisa.com

19 de jun de 2010

Adeus Saramago

Minutos, dias

Por Fundação José Saramago

Todos os dias têm a sua história, um só minuto levaria anos a contar, o mínimo gesto, o descasque miudinho duma palavra, duma sílaba, dum som, para já não falar dos pensamentos, que é coisa de muito estofo, pensar no que se pensa, ou pensou, ou está pensando, e que pensamento é esse que pensa o outro pensamento, não acabaríamos nunca mais.

In Levantado do Chão, Ed. Caminho, 14.ª ed., p. 59
(Selecção de Diego Mesa)

29 de mai de 2010

frases...

" Vai passar, tu sabes que vai passar. Talvez não amanhã, mas dentro de uma semana, um mês ou dois, quem sabe? O verão está aí, haverá sol quase todos os dias, e sempre resta essa coisa chamada 'impulso vital'. Pois esse impulso ás vezes cruel, porque não permite que nenhuma dor insista por muito tempo, te empurrará quem sabe para o sol, para o mar, para uma nova estrada qualquer e, de repente, no meio de uma frase ou de um movimento te surpreenderás pensando algo assim como 'estou contente outra vez'

Amor não resiste a tudo, não. Amor é jardim. Amor enche de erva daninha. Amizade também, todas as formas de amor.

Tenho tentado aprender a ser humilde. A engolir os nãos que a vida me enfia pela goela a baixo. A lamber o chão dos palácios. A me sentir desprezado-como-um-cão, e tudo bem, acordar, escovar os dentes, tomar um café e continuar.


18 de mai de 2010

Nem tudo é pra sempre..

Coisas, que acontecem.
Esta madrugada, acordei com o barulho do vento que ruinava, soprava e mais a chuva.
A minha sensação não era das melhores, era de medo.
Eis que o dia foi chuvoso e cinza. E assim as notícias vinham ao meu encontro: sem cor e não sendo boas.
Incrível que tem certas coisas que parecem infinitas. A gente acredita, mas nem tudo nesta vida é um conto de fada, nem o que resta.
É...viver é uma arte
ser triste faz parte

12 de mai de 2010

Estou aqui


Musica
Estou aqui - Papas da Lingua

Estou aqui
Sem saber como vai você
Que deixou para trás
Tudo o que sonhei


Estou aqui
Sem saber como vai você
Que deixou para trás
Tudo o que sonhei

De saudades vai enlouquecer
Quem sabe o que é sofrer
Já sabe o que é o amor


A tristeza vai adormecer
Quem sabe o que é sonhar
Já sabe que é feliz


Quando o amor chegar você vai saber
Pelos sinais que o mundo ao seu redor
O amor chegou
Pra te levar (2x)
Pra outro lugar...


De saudades vai enlouquecer
Quem sabe o que é sofrer
Já sabe o que é o amor

27 de abr de 2010

A despedida..


A parte mais díficil


E a parte mais difícil
Foi deixar ir, não participa
Foi a parte mais difícil

E a coisa mais estranha
estava esperando por esse sino a tocar
Foi o início mais estranho

Eu podia sentir isso desmoronar
Agridoce eu podia sentir na minha boca
Revestimento de prata nas nuvens
Ah, e eu
Eu desejo que eu poderia trabalhar para fora

E a parte mais difícil
Foi deixar ir, não participa
Você realmente partiu meu coração

E eu tentei cantar
Mas eu não conseguia pensar em nada
Essa foi a parte mais difícil

Eu podia sentir isso desmoronar
Você deixou o gosto mais doce na minha boca
Seu forro de prata as nuvens
Ah, e eu
Ah, e eu
Pergunto-me que é tudo sobre

Pergunto-me que é tudo sobre

Tudo que eu sei está errado
Tudo que eu faço isso só se desfaz
E tudo está despedaçado

Ah, e é a parte mais difícil
Essa é a parte mais difícil
Sim, essa é a parte mais difícil
Essa é a parte mais difícil


Coldplay- The hardest part

20 de abr de 2010

Tudo na vida passa...vai passar!


Demoramos a acreditar, mas é verdade!

      Vai dizer que você nunca chorou
      por um amor que não deu certo?

      Nunca lamentou por uma amizade que
      não era tão verdadeira assim?

      Nunca sofreu por uma besteira que fez?

O coração pode doer, o orgulho pode machucar, mas nada disso realmente importa, o que importa é que TUDO passa!

8 de abr de 2010

Amor em minúsculo


A vida é mesmo uma caixinha de surpresa como dizem a maioria das pessoas.
Um dia você está entediado, outro cansado, e no outro triste.
Numa manhã você está feliz, e já pela tarde mais ou menos. A noite o sentimento mudou, sensação de cansaço, abafamento.
É. A vida é algo muito raro. Demora muito tempo para se dar conta sobre isso.
Levamos anos ás vezes pra perceber que o tempo passa rápido.
É essa sensação nos vem a tona, olhando fotografias, vendo os filhos dos nossos amigos crescendo, percebendo os pais adoecerem fácil, perceber que pra muita coisa o ar de criança não está mais presente.
É isso.
É preciso amar muito para não adoecer facilmente!

28 de mar de 2010

na verdade..


"enquanto atravessava o melancólico pátio da faculdade pensei, queria apenas tentar viver aquilo que brotava espontaneamente dentro de mim. Porque teria de ser tão difícil?"

Trecho do livro "Amor em minúsculo".

22 de mar de 2010

O que q eu to fazendo aqui?

Quem já vivenciou alguma situação onde você se pergunta:O que é que tô fazendo aqui?Tipo algum programa de índio,ou participação de evento que não tem nada a ver com seu estilo?Então começa a sair aquela fumacinha negra da sua cabeça ou você opta por fazer cara de paisagem e fingir que está tudo bem. terrível!!

....

8 de mar de 2010

Feliz


Hoje o dia foi de mudanças.
Mudança na troca de horário para trabalhar e agora estudar a noite.
Novos caminhos, novas projeções.
É a vida da voltas, surpresas.
Ás vezes age rápido, outras nem tanto.
Mas dessa vez, os ventos sopraram a favor.
Obrigado a quem merece

Mui FELIZ

6 de mar de 2010

hOje estou assim

"a única verdade é que vivo.
Sinceramente, eu vivo.
Quem sou?
Bem, isso já é demais...."

2 de mar de 2010

Um final de semana pra sempre


Voltei hoje do Rio de Janeiro.
Foram apenas três dias na cidade maravilhosa, e como é maravilhosa.
Estando lá , fui ver o magnífico show do Coldplay, no domingo dia 28, na Praça da Apoteose.
O show foi perfeito. A banda está de parabéns. Além das músicas serem lindas, os efeitos especiais ao meu ver foram superados, algo fora do comum.
Um maravilhoso show em uma maravilhosa cidade.
E por falar em cidade maravilhosa, fiquei hospedada na casa do querido Antonio, rapaz que eu conheci no Fórum Social Mundial em Porto Alegre. E desde lá mantivemos contato.
Antonio foi meu "guia turístico".
Este final de semana no Rio de Janeiro estive com pessoas queridas que me proporcionaram momentos inesquecíveis.
Obrigado por tudo.

E Coldplay....

24 de fev de 2010

???


Realmente o dia não foi dos melhores. Aquele sorriso não saiu facilmente. Basicamente eu precisava de sol. Eu precisava de mais paz, de abraço sincero.
Não entendo esses dias cinzentos, eu não a não explicação de tal situação.
Agora que eu tinha me curado, de todas aquelas coisas, e acontece.
Eu não entendo.
Eu não compreendo.
Eu não sublinho.
Eu não arrisco.
Ou como diz um amigo "Vejo em você muitas vontades que precisam ser liberadas". Bela frase. Exata frase. Mais que vontades? Que liberdade?
Do que você está falando? De quais problemas se refere?
Poxa, "você é muita estranha mesmo", mas do outro lado tão igual , tão exata, tão concreta.
É isso. Esquecer.
Esquecer.
O viver é tão curto. Somos tão únicos. Somos e não somos intensos.
Na verdade o que eu queria dizer, eu esqueci...

23 de fev de 2010

Tá chegando a hora! Coldplay!


Estou em contagem regressiva para a vinda da minha banda favorita, Coldplay.
A banda desembarca está semana no Brasil e fará shows no Rio de Janeiro, dia 28 de fevereiro e em São Paulo, na terça-feira dia 2 de março.
Irei exclusivamente para a cidade maravilhosa ver o show do Coldplay.
Tenho certeza que será uma ótima viagem e um maravilhoso show que entrará para minhas lembranças.
Na vida as coisas são assim. Muitas vezes temos que deixar algumas coisas de lado para conseguir outras.
Mas o que importa é a minha grande paixão , emoção, bem estar quando escuto o som deles.
É Coldplay, é estar bem feliz!!!

"Look at the stars,
Look how they shine for you,
And everything you do,
Yeah, they were all yellow"

É Coldplay, é estar bem feliz!!!
Valeu!!

15 de fev de 2010

A procura da Dalvo...


No meio de tanta gente...

Em um trem..

No lado de uma senhora. Senhora está que observava o mundo com seus óculos.

Olhava eu esta senhora, e de tanto olhar, um moço me chamou a atenção.

Sem camisa, cabelos escuros, pele cor de cuia, olhar atento.

Gostei deste moço, gostei da perfeição em beleza desenhada neste mulato.

Eis que o trem parou e todos desceram em direção a um show, “Mutantes”.

Lá eu estava, acompanhada de minha amiga Inara. E quando ao olhar para o lado lá

Estava o mulato. Passou por mim e me deu Ola e até um merecido abraço.

Mas ele se foi. Então..

Voltei o meu caminho. Outro dia, com amigos feitos na hora, em direção a uma escola, eu

Pressentia, o mulato poderia estar lá, eis que ..ele estava. E mais um olá, até piscada de olho.

Fui embora admirando aquela beleza. E me fui.

Outro dia em Porto Alegre estava eu pensando no mulato, e como eu pensava.

Fui em direção ao banheiro.Tive que descer o elevador, desce de elevador sozinha, quando a porta se abri, quem estava

A espera do elevador? Ele mesmo, o mulato encantador..Uma enorme surpresa..e que surpresa..

Nos abraçamos forte, como eu jamais abraçara alguém, é claro, se identificamos, o nome do mulato?

Dalvo. A história poderia terminado de outra maneira, mas terminou com uma apresentação...

É claro, jamais esquecerei daquele olhar, daquela pele, daquela boca desenhada, e dos maravilhosos cabelos.

Inesquecivel. O abraço e o olhar valeu mais que beijos, valeu imaginação e muita conhecidencia.

14 de fev de 2010


"Ás vezes a gente precisa dar um tempo, correr pra longe de todo mundo, pra ver quem vai correr atrás da gente".

Sem destino


Na vida de todos, tem momentos que chegam e nos indagamos como realmente estamos? Estou feliz? E na verdade não se está. É por este momento que passo. Um momento pelo qual não estou no lugar que queria estar, sei isso acontece com a maioria das pessoas. E meu coração mais ferido.
Realmente as coisas não estão bem.
E para piorar os fatos não estão ajudando, só complicando.
"vento,ventania me leve para qualquer lugar"...
É bem isto que eu queria. Qualquer lugar, longe daqui. Da mesmice, da chatice, das pessoas fechadas, do querer, do ter.
Qualquer lugar estará bom. O Haiti. Na miséria. Na fome. Na seca. Eu queria estar.
Só não me basta estar aqui, rodeado de tantos seres, mas se realmente estou sozinha?
Inútil sentir isso? É pura verdade. É estou sozinha...
Vento, ventania eu quero voar!
É isso. Vamos viver e deixar as coisas acontecer!
Vivendo e aprendendo...

9 de fev de 2010

Vento...a caminho da praia!!!


Abaixo uma música que acho linda e expressa o meu momento!

Vento Ventania

Biquini Cavadão


Vento, ventania
Me leve para
As bordas do céu
Pois vou puxar
As barbas de Deus
Vento, ventania
Me leve prá onde
Nasce a chuva
Prá lá de onde
O vento faz a curva...
Me deixe cavalgar
Nos seus desatinos
Nas revoadas
Redemoinhos...

Vento, ventania
Me leve sem destino
Quero juntar-me a você
E carregar
Os balões pro mar
Quero enrolar
As pipas nos fios
Mandar meus beijos
Pelo ar...

Vento, ventania
Me leve prá qualquer lugar
Me leve para
Qualquer canto do mundo
Ásia, europa, américa...


Vento, ventania
Me leve para
As bordas do céu
Pois vou puxar
As barbas de Deus...
Vento, ventania
Me leve para
Os quatro cantos do mundo
Me leve prá qualquer lugar
Hum! Me deixe cavalgar
Nos seus desatinos
Nas revoadas
Redemoinhos...
Vento, ventania
Me leve sem destino
Quero mover
As pás dos moinhos
E abrandar o calor do sol
Quero emaranhar
O cabelo da menina
Mandar meus beijos pelo ar...


Me deixe cavalgar
Nos seus desatinos
Nas revoadas
Redemoinhos
Vento, ventania
Me leve sem destino
Quero juntar-me a você
E carregar os balões pro mar
Quero enrolar as pipas nos fios
Mandar meus beijos pelo ar
Vento, ventania
Agora que estou solto na vida
Me leve prá qualquer lugar
Me leve mas não me faça voltar...


2 de fev de 2010

Fórum Social Mundial


Faz uma semana que participei do 10º Fórum Social Mundial em Porto Alegre e região metropolitana.

Uma experiência maravilhosa, troca de ideias, novas amizades, conhecimentos adquiridos.

Fui com minha querida amiga Inara. Acampamos no acampamento Intercontinental da Juventude, em Novo Hamburgo. Muito legal.

O interessante desses Fórum é que, por mais que seja pouco tempo, sempre voltamos renovamos, mais cheios de esperança, vontade de mudar.

Tem algumas frases que vou escrever aqui, que escutei e acho bom registrar.

"Qualquer paixão nos diverte", by Adriano, de coração nordestino, mas mora em São Paulo.

"A gente vai levando, mudando" by Murilo, amigo de Recife, querido!

Entre tantos outros amigos queridos de Rio de Janeiro, Antônio Henrique, Clarissa, Fernando, Camila, Paola...e outros..

Amigos de Recife, Pernanbuco, e por ai vai.

De tantos "Ois" em ônibus, trem, ruas, o Fórum foi conhecimento.

Mas sempre tem alguém chama a atenção da gente, e cá comigo, não foi diferente.

Mas isso eu posto em um post especial.

Claro, não poderia esquecer da querida Inara, me incentivando sempre.

É isso. Que venha outros Fóruns!

Outro mundo acontece...Outro mundo é possível!

15 de jan de 2010

A saudade é uma dor que dói

11 de jan de 2010

As tragédias


Amanhã terça-feira, dia 12 de janeiro, faz uma semana que a ponte que liga o município de Agudo (minha cidade natal) a Santa Maria desabou. Foi um enorme susto e um grande desastre. Com a ponte, a vida de cinco pessoas foi levada também, uma delas a do vice-prefeito Hilberto Bock.
A tragédia virou notícia e se espalhou para o restante do país . Outras 11 vítimas conseguiram escapar.
Lamentavelmente várias tragédias estão acontecendo em nossa região, assim como o Rio Grande do Sul , o próprio país e no mundo inteiro.
Ao mesmo tempo em que autoridades maiores se reuniram na Conferencia em Compenhague, governos em geral discutem o aquecimento global e seus danos a todos nós.
Mas o poder sobre a natureza não temos. E é um ciclo natural que tende a piorar cada vez mais.
Nos resta viver intensamente. E o que tiver que acontecer, acontecerá. Podemos dominar esta mundo da tecnologia, mas o poder sobre o que vai acontecer, este, não nos pertence!